Raridades nacionais - Chevrolet Chevette País Tropical 1976

20 DE MAIO, 2016
Resolução: 1600x900px | 4000x2250px

O grande hit musical "País Tropical" provavelmente será a primeira coisa que você pensará (e é provável que automaticamente vá tocar em sua cabeça) ao ler o nome desta versão do Chevette, porém esta canção composta por Jorge Ben serve para ilustrar bem a situação do Brasil na década de 70. Impulsionado pela estratégia do "milagre econômico" durante a ditadura militar, o PIB do país crescia, gerando um orgulho e patriotismo pela nação, porém em contrapartida parte desta renda ia para poucos, gerando aumento da concentração de renda e da desigualdade, problemas que afetam o Brasil até nos dias de hoje.

"País Tropical" por Jorge Ben Jor. Dê play na música e curta a leitura!

No meio do seu cenário de expansão de concessionárias e popularidade graças ao bem sucedido Opala, a Chevrolet do Brasil decidiu por lançar no país o Chevette em 1973 para concorrer contra a linha Volkswagen da época, assim como o Ford Corcel. Vindo do projeto de plataforma mundial denominado Projeto 909, sua missão era ser um carro mais compacto e econômico que o Opala, o que acabou caindo como uma luva pouco tempo após o seu lançamento, visto que a crise do petróleo que ocorreu no mesmo ano aumentara a demanda por carros com menor consumo.

Imagem da propaganda de época do Chevrolet Chevette País Tropical
Propaganda da versão especial.

Em 1976 viria a ser lançada a série especial "País Tropical", que tinha como público alvo clientes jovens, que procuravam um carro com um visual levemente mais esportivo. Para isto alguns equipamentos foram herdados da versão GP que fora lançado no mesmo ano, tais como retrovisores cônicos aerodinâmicos e rodas de aço pintadas mais taludas (sem o sobre aro em alumínio encontrado no GP) com pneus de perfil mais largo. Ele também fazia uso do interior na cor marrom e dos bancos (de mesma tonalidade) reclináveis de encosto alto vindos do SL (Super Luxo), assim como alguns frisos cromados encontrados em sua carroceria. Seus equipamentos exclusivos ficavam por conta do sistema de som composto por rádio AM/FM, toca-fitas estéreo, 2 alto-falantes especiais e as faixas duplas (na mesma cor das rodas) finas que decoravam a lateral e parte traseira do carro.

Imagem com a propaganda do Chevrolet Chevette SL 1976 mostrando seu interior marrom
Parte do estofamento interior marrom vinha do SL.

Fazendo jus ao nome musical, o País Tropical trouxe um kit sonoro interessante para curtir as músicas de uma das décadas mais marcantes tanto econômica, quanto artística do Brasil, Com visual de detalhes exclusivos e números de produção desconhecidos, sua aparição é muito esporádica e até encontrar imagens e informações sobre foi difícil, tornando este uma verdadeira raridade nacional.

Gostou do cartoon do Chevette País Tropical? Entre em contato via e-mail contato@victorbravodesign.com e encomende uma do seu carro a partir de R$ 40! (:

Para ver mais carros do Raridades nacionais, clique aqui.

Ficha técnica:

Motor: dianteiro, 4 cilindros em linha, longitudinal, 1398 cm³, aspirado, 8 válvulas, carburação simples
Transmissão: mecânico de 4 marchas, tração traseira
Performance: 69 cv a 5800 rpm, torque 9,8 kgfm a 3600 rpm, vel. máx. 140 km/h, 0 a 100 km/h em 19,1 s
Consumo: 11 km/l em circuito urbano (gasolina), 14 km/l em estradas (gasolina)
Suspensão: dianteira independente com braços sobrepostos, traseira eixo rígido do tipo barra Panhard
Freios: dianteira disco sólido. traseira tambor
Pneus: dianteiro 165/70 R13, traseiro 165/70 R13
Peso: 870 kg*
Dimensões: comprimento 4120 mm, entre-eixos 2390 mm, largura 1570 mm, altura 1320 mm

*Peso baseado na versão SL, com quem compartilhava diversos componentes.

Agradecimentos e fontes:
CarrosnaWeb

Escrito por:
Victor Braga e Bravo
Fundador do Victor Bravo Design, Victor Braga e Bravo é estudante de Engenharia Mecânica, trabalhando também na área de design, com foco principal na customização de automóveis.